Home / Dicas / Desperdícios na Obra

Desperdícios na Obra

Desperdícios na Obra

Você sabia que no valor total de sua obra  5 a 20 % será de desperdício, ou de retrabalho?

Pois é, é a mais pura verdade, em uma casa de R$ 100.000,00 de 5.000,00 a 20.000,00 são jogados diretamente no lixo. Estes números não são exatos, mas várias pesquisas mostram isso;

E o que fazer para evitar isso? Acreditamos que tudo começa com um bom planejamento e um controle efetivo de todas as etapas da obra, seguem algumas dicas importantes para diminuir ao máximo os desperdícios e retrabalhos de sua obra;

  • Projete a obra do início ao fim, faça lista detalhada do que e de quando será usado na obra tenha todos os Custos Previstos; (lista de matérias, serviços e mão de obra);

  • Faça as compras sempre menos que o planejado, pois nem tudo é possível devolver;

  • Prefira as lojas onde a entrega pode ser “fracionada” pois neste caso se não utilizar todo o material, pode ser trocado por outro; (EX: caso compre 200 sacos de cimento, e não usar tudo, podes devolver ou trocar o que não utilizou);

  • Armazene os matérias em locais apropriados. Tijolos e telhas empilhados conforme recomendação do fabricante, Cimento, Cal, e argamassas guarde em local Seco e Arejado para evitar a umidade;

  • Ao contratar a mão de Obra (pedreiro, servente, pintor, entre outros) a atenção tem que ser redobrada, prefira sempre alguém de confiança, ou com várias “boas” indicações/referencias;

  • Anote tudo o que está sendo feito, tenha tudo na “ponta do lápis” pois assim terá o controle efetivo dos custos com materiais, mão de obras e serviços;

  • Quando paredes, colunas e vigas são bem planejadas e calculadas, você evitará desperdício com preenchimento de cimento onde faltou, ou quebras onde foi colocado a mais; o mesmo vale para paredes em local desnecessário, ou janelas que não foram bem planejadas;

  • Sempre que possível, acompanhe ou tenha alguém de confiança acompanhando os trabalhos na obra; isso mesmo, fiscalize, seja rigoroso com os prestadores de serviço, pois é o seu dinheiro que está sendo gasto;

  • Fique atento, pois o desperdício geralmente está nos detalhes; (Ex.: meio saco de cimento, 1 Mt³ de areia, 50 M de fio/cabo) olhando estes itens separadamente parece “pouco”, mas quando juntamos tudo, vai ser “muito”.

Sabemos que a obra quase sempre custa mais que o planejado inicialmente, mas ao tomar cuidados básicos como os descritos acima, podemos evitar alguns gastos desnecessários além de ter um melhor gerenciamento da obra, evitando maiores “dores de cabeça”;

Comentários desativados.